HomeFestas Tradicionais

Usuários Online

Temos 9 visitantes e Nenhum membro online

Festas Tradicionais

Festa do Divino

A Festa do Divino Espírito Santo é a principal festa da cidade, reunindo costumes religiosos e profanos. É constituída de novenas, folias, procissão, missa, roqueira, mascarados, cavalhadas, pastorinhas e apresentações de outros grupos folclóricos. A festa tem data móvel, tendo seu início 50 dias após a páscoa, entre os meses de maio e junho.

Cavalhadas

Encenadas em Pirenópolis pela primeira vez em 1826, a festa hoje é reconhecida como uma das mais significativas cavalhadas do Brasil. São elas o símbolo da histórica luta travada entre o Imperador do Ocidente, Carlos Magno, e os Mouros que invadiram a Península Ibérica para forçar os cristãos a aderirem ao Maometismo.

A festa consiste em um longo ritual de três dias seguidos, cujos preparativos começam uma quinzena antes, logo no início da Festa do Divino. Além de atração nacional, as cavalgadas que ocorrem durante a ocasião, já receberam destaque na França. Em 2006, o “Ano do Brasil na França”, por meio dos esforços do governador Marconi Perillo, um grupo de 40 pessoas se apresentou no Castelo de Chantilly, uma das mais nobres edificações da arquitetura francesa.

Gastronomia

A gastronomia local é muito valorizada pelos visitantes. Frutos do cerrado como o pequi e o baru estão sempre à mesa. O tradicional Empadão pode ser encontrado em vários pontos da cidade. O Festival Gastronômico e Cultural de Pirenópolis já se encontra em sua quinta promoção, concentrando atenções nos produtos do cerrado. O evento busca promover a cultura goiana através da culinária. A gastronomia internacional também tem seu espaço nos restaurantes de ‘Piri’. A Cozinha Italiana e a Cozinha Francesa são as mais populares do lugar.

Artesanato

O artesanato em Pirenópolis é bastante diversificado. A cidade inspira artistas locais e atrai talentos consagrados que ali buscam contato com a natureza e a qualidade de vida para produzirem seu trabalho. Cerca de 500 artesãos trabalham com tecelagem, cerâmica, madeira, palha, papel e doces.

Os produtos podem ser encontrados em diversas lojas do Centro Histórico, em feiras e oficinas ou em ateliês dos próprios artistas. O artesanato com ‘Design’ em Prata produzida na cidade tem destaque nacional e internacional. A produção de móveis artesanais e ecológicos também é bastante significativa.